“A política não percebe nada das pessoas”

Aurora Ribeiro, candidata do BE ao parlamento pelo Faial, recusa a ideia de que as pessoas “não percebem nada de política”.

A cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda (BE) diz que tem aprendido “das coisas mais extraordinárias” nos últimos dias, deduzindo-se que fala da campanha eleitoral em curso com vista à eleição da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores. “Quantas preocupações, quantos sonhos, tanto futuro”, exclama Aurora Ribeiro [na fotografia, com direitos reservados], que trabalha na área da comunicação.

“Dizem que as pessoas não ligam à política e há muitas pessoas que me dizem que não percebem nada de política. Eu vejo o contrário. Vejo que as pessoas percebem muito de política e muitas vezes a política é que não percebe nada das pessoas e isso vê-se desde logo na forma como comunica com elas”, testemunha a cabeça-de-lista pelo Faial do “Bloco”, partido através do qual se estreia de forma mais visível na atividade política, conforme declarou quando se conheceu a sua candidatura.

Aurora Ribeiro sublinha num post na rede social Facebook que tem estado “de um lado”, mas que agora passou para o “outro”, referindo-se, precisamente, ao ativismo que abraçou e confessa que lhe provoca “confusão” haver uma “fronteira” entre estes dois mundos: o de quem está na política e o de quem não está.

Por fim apela a que se torne “isto mais simples”, porque “afinal, somos todos políticos, ou seja, somos todos pessoas”. |X|

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s