INFORMAÇÃO, METEOROLOGIA, SOCIEDADE

ÁGUA PELA BARBA NO FAIAL

Os faialenses acordaram hoje ao som de chuva torrencial que, a espaços, se prolongou ao longo do dia provocando inundações e estragos

Baía do Varadouro | fotografia de César Matos

As zonas mais atingidas pelas fortes chuvadas situaram-se a sul do Faial, onde as freguesias da Feteira e Castelo Branco sofreram fortes enxurradas, tendo sido afetada uma moradia, no lugar da Lombega, o que obrigou a realojamento.

Ribeiras saíram dos leitos devido aos abundantes caudais e vários troços de estrada ficaram inundados.

Proteção civil, bombeiros, serviços governamentais e municipais estiveram no terreno tentando minimizar as consequências do mau tempo.

Já ao fim do dia alguns condutores chamaram à atenção, através das redes sociais, para uma derrocada que ocorreu na Estrada Regional entre Castelo Branco e Capelo, próximo do lugar da Ribeira do Cabo.

A estação meteorológica instalada no Aeroporto da Horta registou, pelas 17 horas, 72 mm de precipitação acumulada nas 12 horas antecedentes.

Entretanto o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou para laranja, depois de ter estado em amarelo, o aviso de “precipitação forte, podendo ser acompanhada por trovoada” até ao início da manhã de amanhã. |X|

Standard