FC FLAMENGOS GANHA E SOBE

À 5.ª jornada (em 18) o Futebol Clube dos Flamengos (FCF), a disputar o Campeonato de Futebol dos Açores (CFA), saboreou a primeira vitória

O triunfo teve um sabor especial pois foi obtido diante de um rival da ilha vizinha, que deu a este jogo um carácter de “derby”.

A equipa faialense impôs-se por um claro 3-1, no seu reduto. Marcaram pelos azuis João Gonçalves, que inaugurou e depois José Humberto (2-1) e Tiago Furtado, que fechou a conta. O veterano faialense que defende a camisola do Vitória do Pico conseguiu equilibrar o “placard” quando empatou a partida (1-1).

Paulatinamente o FC Flamengos vai subindo na classificação e é 7.º classificado neste momento, com menos um jogo, que não realizou ainda contra o SC Marítimo.

Com o resultado positivo obtido na tarde de hoje a equipa do vale dos Flamengos trocou de posição na tabela classificativa com o representante picoense no CFA, mantendo um despique interessante no que toca aos representantes da Associação de Futebol da Horta nesta competição. |X|

FC FLAMENGOS MANTÉM CLASSIFICAÇÃO

Embora sem ter jogado, o FC Flamengos manteve o 8.º lugar na classificação do Campeonato de Futebol dos Açores (CFA)

O cancelamento, pela manhã, do voo que levaria a turma do vale dos Flamengos até à ilha Graciosa, no sábado, onde defrontaria o SC Marítimo, às 16 horas, para a 4.ª jornada do Campeonato de Futebol dos Açores (CFA) levou ao adiamento da partida. Apesar de não entrar em campo e ficar com um jogo em atraso, o FC Flamengos manteve intacto o oitavo posto da tabela classificativa.

FC FLAMENGOS SOBE NA CLASSIFICAÇÃO

O FC Flamengos consentiu hoje um empate (2-2) diante CF Vasco da Gama, mas subiu um lugar na classificação

Disputou-se no fim de semana a 3.ª jornada do Campeonato de Futebol dos Açores (CFA) e coube à equipa faialense receber a turma micaelense do CF Vasco da Gama, jogando pela primeira vez em casa na edição deste ano da prova.

Depois de uma derrota na primeira jornada (em casa do Angrense por 2-0) e de um empate (0-0 no reduto do Lusitânia) havia alguma esperança de que a turma do vale dos Flamengos premiasse os seus adeptos com o um resultado positivo.

Assim não aconteceu e a partida terminou com um empate a duas bolas, o que, no entanto, permitiu ao FC Flamengos subir um lugar na tabela classificativa.

Na próxima jornada a equipa dirigida pelo técnico Rui Pacheco desloca-se à ilha Graciosa para defrontar o SC Marítimo. Se vencer, consegue ultrapassar o seu adversário na classificação, o que constitui mais um fator de motivação para os jogadores faialenses. |X|

FC FLAMENGOS RECEBE VASCO DA GAMA

A 3.ª jornada do Campeonato de Futebol dos Açores (CFA) iniciou-se pelas 10 horas de hoje. Amanhã completa-se a ronda

À hora da redação desta notícia (11h50) está a decorrer a partida que opõe o Graciosa FC ao Boavista CR. Amanhã jogam o Angrense contra o SC Marítimo (12 horas); o GD São Roque recebe o Vitória do Pico (12h30); o SC Guadalupe defronta em casa o Lusitânia (14h30) e o FC Flamengos, no seu reduto, opõe-se ao CF Vasco da Gama.

A equipa faialense fará o seu primeiro jogo no vale dos Flamengos, pois nas 1.ª e 2.ª jornadas deslocou-se a Angra do Heroísmo, onde sofreu uma derrota com o Angrense (2-0) e conseguiu um empate diante do Lusitânia (0-0).

Juntando o fator casa e o desfecho motivador da partida contra o histórico Lusitânia, para além, naturalmente, do objetivo de ganhar qualquer desafio, os jogadores orientados por Rui Pacheco [na fotografia, com direitos reservados] entrarão em campo animados e focados na vitória, apesar de irem defrontar um adversário oriundo de uma ilha (São Miguel) que apresenta futebol de qualidade.

O CFA está no princípio, mas já tem estatísticas. FC Flamengos e FC Vasco da Gama encontram-se posicionados na tabela classificativa em 9.º e 8.º lugares, ambos com dois jogos realizados, sem vitórias, com uma empate e uma derrota. A única diferença é em número de golos sofridos (nenhuma destas equipas marcou até agora): o CF Vasco da Gama tem um golo sofrido e o FC Flamengos dois. Portanto, equilíbrio, pelo menos teórico, antes do confronto começar. |X|

FC FLAMENGOS PORTA-SE BEM EM ANGRA

À 2.ª jornada do Campeonato de Futebol dos Açores o FC Flamengos foi a Angra do Heroísmo obter um precioso empate (1-1) diante de um dos candidatos ao título, o histórico Lusitânia

Tratou-se da segunda deslocação consecutiva da equipa flamenguense, que na ronda inaugural também jogou na mesma cidade com o não menos reputado Angrense, perdendo por 2-0.

Com a prova a dar os primeiros passos veio a calhar, depois das esperadas e concretizadas dificuldades diante dos encarnados, um jogo sem sofrer, neste caso golos, pois quanto ao sacrifício dentro do campo esse foi evidente, perante um conjunto de qualidade superior.

Regressar ao Faial na véspera do Dia de Todos os Santos com um ponto averbado sabe a pão-por-deus! |X|

FUTEBOL. Madalena não deixa Flamengos fugir

A Taça da Associação de Futebol da Horta, no escalão de seniores, entrou hoje na segunda metade

As duas partidas da 7.ª jornada opunham equipas com propósitos algo diferentes, mas importantes para as respetivas aspirações, ainda por cima numa altura em que meia prova está disputada. São 12 jornadas, divididas por quatro voltas.

Era, portanto, o momento certo para cada contendor marcar posição em face dos objetivos que persegue, até porque o simbolismo de deixar metade da prova para trás e iniciar a reta final tem a sua importância.

Saíram-se melhor FC Madalena e Atlético, que venceram. Os picoenses, ao imporem-se no Vale dos Flamengos, ainda que pela margem mínima (1-0), não deixaram o líder da competição acelerar, enquanto os alvinegros, no seu terreno, também pela margem mínima (3-2), evitaram ser apanhados pelo CRF C. Branco.

No topo da tabela classificativa está tudo a modos de baralhar e dar de novo, com a liderança repartida entre o FC Flamengos e o FC Madalena, com 13 pontos para cada um, mas com vantagem para a equipa do Faial. Ambos os conjuntos têm o mesmo número de vitórias, empates e derrotas, mas quanto a golos os azuis e brancos marcaram, até agora, mais sete do que sofreram (11-4), o que os coloca em melhor situação do que a turma cor de vinho, com sete marcados e outros tantos sofridos.

Na base do quadro da classificação há uma melhor clarificação pois o Atlético, que podia ter sido ultrapassado na jornada de hoje, não deixou os seus créditos por mãos alheias e, vencendo, ampliou para cinco pontos a distância para o lanterna vermelha (Atlético 9 pontos, C. Branco, 4).

Resumindo: a Taça está relançada. O FC Flamengos e o FC Madalena vão desunhar-se na frente e o Atlético, com a sua tradicional garra, lutará, certamente, para se aproximar do topo, visto que a distância para os líderes é curta (4 pontos). A equipa de Castelo Branco, praticamente fora da corrida, quererá, no entanto, demonstrar que este seu regresso ao futebol no escalão principal é para levar a sério, até porque tem pergaminhos a honrar. |X|

|| SOUTO GONÇALVES texto